Fascista? Quem?

Imagem
Aqui a Ovelha não tem tido sequer grande vontade em falar neste tema, pois são muitas as palavras impróprias que me sugere. Estou confinada há 43 dias, a sair só para as compras, quase como se fosse uma criminosa, a lavar-me e a desinfetar-me desenfreadamente. Com medo, muito medo, e a tentar que os outros também sintam esse receio pois, neste caso, o medo poderá ser a nossa salvação. Sou católica e, apesar disso, passei a minha Páscoa como um qualquer domingo e critiquei aqueles que não o fizeram, tal como critiquei os que foram para a praia, para a marginal de Vila do Conde ou os que passeiam em romaria pela minha rua. E é por isso que não posso deixar de criticar, ainda com mais intensidade, aqueles que deviam dar o exemplo e que se comportam como aquilo que chamam a quem a se opõe ás suas vontades impostas: fascistas! O termo "fascista" nasce da palavra italiana fascismo (de fascio. "feixe; associação política ou social"). Entre outras coisas, f

Carta Aberta a Tiago Brandão Rodrigues


Tinha dito, há bem pouco tempo, que esperava que não chegasses ao "patamar Crato". Parabéns, conseguiste superá-lo! E sabes porque passei a tratar-te por tu? Porque és um puto, um fedelho, uma garoto mimado, caprichoso, ofuscado e deslumbrado com aquilo que hoje é mas amanhã deixará de ser. Pelo teu profundo desrespeito por uma profissão que, até por motivos familiares, deverias venerar.

Já não falo dos mais de 9 anos que insistes em não reconhecer ou dos recentes números dos vencimentos dos professores (a maior piada do ano).

Hoje vou falar-te de um socialista, que tinha uma paixão. Hoje sabemos que tinha outras paixões e devaneios mas, provavelmente, este foi um dos poucos momentos de sanidade que teve. Chama-se Sócrates e impulsionou as Atividades de Enriquecimento Curricular no Ensino Básico, as conhecidas AEC. A seu tempo deu emprego a centenas de professores sem colocação. A seu tempo encontrou uma solução para os muitos encarregados de educação que não conseguiam compatibilizar os horários da escola com o horário de trabalho. Mas, mais importante, fruto dessa paixão tenho hoje jovens e adolescentes que falam fluentemente inglês, com uma cultura musical e artística mais vasta, praticantes de uma variedade de desportos, etc, etc, etc.

Crato foi o primeiro a dar a facada nas AEC, reduzindo-as para metade. Agora tu, deste a facada final! Em todo o país há gente que deu mais de uma década do seu amor e empenho às AEC e que, este ano, foi encostada e enfiada para o fundo a gaveta com o mais profundo desrespeito que pode haver! Tudo porque, "de acordo com a lei", muitos agrupamentos optaram por entregar as AEC às Câmaras Municipais que, por sua vez, as remeteram para associações "sem fins lucrativos" feitas à pressão para promoverem as ditas atividades. E quem vai lucrar com isto? Garanto eu que não serão nem as crianças, nem os professores. Mas que alguém vai lucrar, disso tenho a certeza!

Muito sinceramente, hoje rezo para que estejas de malas aviadas para ires para bem longe. Em bom português só te posso dizer que me saíste mais uma boa merda de ministro.

Comentários

  1. Ainda faltarão uns quantos epítetos, a este fedelho armado aos cucos !!!
    Começa em inépto, pois não passa disso mesmo, porque nunca passou de um mimado, enfiado dentro dos "gabinetes" do estado, sugando o erário público !!!
    Enfermas de uma impressionante inépcia !!!
    Acaba em mentecapto, pois sofres de uma doença que vai grassando por alguns políticos portugueses, ou seja, a capacidade de evolução !!!
    Comentário 5 * !!!

    ResponderEliminar

Publicar um comentário

Mensagens populares deste blogue

Quem tem medo compra um cão!